Oficina Ser Tão Energético

  • Foto: Filipe Gomes
  • Foto: Mauricio C.

Informações

A realização da oficina "Ser Tão Energético" visa criar um ambiente de troca e vivência acerca do treinamento técnico voltado à representação do teatral popular, bem como oferecer aos alunos conhecimentos históricos e teóricos sobre as mesmas.

Durante o processo da oficina o aluno contemplará conhecimentos relativos aos diversos fundamentos do trabalho do ator, seja em relação à voz, preparação corporal, dramaturgia, construção da personagem e improvisação, em suma, através da técnica de atuação do Teatro Popular.

Metodologia de Trabalho

1. Seminários e Debates

O trabalho se inicia com seminários e discussões coletivas sobre a bibliografia de Dario Fo e seu cônjuge e confidente Franca Rame abordando as principais influências que moldaram sua maneira peculiar do fazer teatral. Em seguida abordo a commedia dell’arte considerada por Dario Fo, a porta de entrada para a pesquisa do trabalho no teatro popular. Em subsequente trato a questão da meia-máscara, já que ela é um fenômeno marcante na commedia dell’arte, sugerida por Dario Fo, como um excelente instrumento no trabalho de formação do ator. Subdivido o capitulo na confecção e aplicação de exercícios com a meia-máscara. Finalmente trato do Grammelot, técnica fundamental no teatro de Dario Fo, utilizado para investigação de vozes e para auxiliar o ator na narração da historia e na busca pela comicidade.

Saliento que esses momentos de caráter teórico e os debates acontecerão durante todo o processo, visto que é importante que o aluno conheça as referências históricas, artísticas e críticas do trabalho prático promovido pela oficina.

2. Treinamento Corporal

Partiremos então para a fase de exercícios de treinamento físico que visa fazer com que os alunos desenvolvam uma condição de corporeidade que aperfeiçoará o trabalho prático com o corpo, e construindo uma rotina de preparação com alongamento e aquecimento corporal e vocal. Estes exercícios são compilados a partir das referências bibliográficas deste projeto, bem como da experiência prática do proponente do mesmo e dos próprios alunos que serão estimulados a compartilharem também seus conhecimentos.

3. Técnicas da commedia dell’arte

Em subseqüente, os alunos irão experimentar a partir da captação de características de animais, onde os movimentos e sons fossem compatíveis com as do personagem. Esse procedimento adotado por Dario Fo é simplesmente a junção de dois bichos. A exemplo da commedia dell’arte onde encontramos a clássica máscara do Arlecchino, sendo ela a junção do gato e do macaco, assim como o do Pantalone e do Capitano resultando respectivamente do cruzamento do peru com o galo, e do mastim com o perdigueiro.

4. Treinamento do Grammelot

Finalizo a sequência introduzindo exercícios de cena, improvisando com a máscara e utilizando o grammelot, o que proporcionará aos alunos, esquivar do comodismo e criar novas possibilidades de sons. A escolha de uso do grammelot demonstra a atenção especial que Dario Fo dá ao gesto, considerado como complemento absoluto e inseparável da palavra. Ele enxergou a oralidade que o gesto contém e conferiu corpo e voz a uma tradição que nunca havia sido escrita e que a compreensão da narrativa é tanto maior quanto mais simples e claros forem os gestos que acompanham o grammelot.

Essa metodologia visa instrumentalizar o aluno tecnicamente, desenvolver seu caráter analítico e crítico, além de propiciar vivências práticas do que é o trabalho do ator.

Público-Alvo

A oficina é destinada a atrizes e atores, profissionais e/ou amadores, adultos e jovens a partir de 15 anos com alguma experiência em representação teatral.


Sobre o palestrante

Thardelly Lima
Thardelly Lima
Thardelly Lima participou, entre outras, das peças ‘Trinca mais não quebra’, ‘A Serpente’, ‘Olga Benário Prestes’, ‘Ocirco imaginário’, ‘De Já Vú’. Especialista em Representação Teatral pela UFPB, foi premiado como melhor intérprete por ‘A Esperar’, de Ricardo Lucena, e obteve o segundo lugar por 'Gêmeos', de Linaldo Guedes e 'Poema Limpo', de Antonio-Mariano Lima.

Serviço - Atividade Gratuita

Datas
24 a 29/09 - 14h às 17h
Duração
20 horas
Vagas
20
Local
CRAS
Av. Tobias José de Andrade, 119 - Bebedouro - Linhares/ ES
(27) 3373-0548