Cancão, Malazarte e Trupizupe - Espetáculo de rua

  • Foto: Humberto Lopes
  • Foto: Humberto Lopes
  • Foto: Humberto Lopes
  • Conjunto habitacional vila dos pescadores
  • 50 min
  • GRATUITO

Sinopse

O Cancão, Malazarte e Trupizupe, busca através dos “trambiques” de três espertalhões, mostrar uma faceta do povo nordestino, que para sobreviver precisa desenvolver uma enorme sagacidade, uma perspicácia e um extraordinário senso de humor, que proporciona a esses anti-heróis brasileiros uma possibilidade de existirem, não anonimamente, mas, sobretudo, como um sobrevivente de um país, em que somente os abastados e poderosos usufruem em sua totalidade.

O pano de fundo da trama é uma história simples, que transita por um mosteiro terminando numa pensão onde à aparente fragilidade dos conflitos, escondem personagens que apesar de serem aqueles que não tem poder, se utilizam de uma esperteza ímpar para continuarem vivos e de certa forma, levando no “bico” os poderosos e tiranos.

Ficha Técnica

Ator e Diretor
Humberto Lopes
Músicos
Ademilton Barros
Cleiton Teixeira
João Paulo
Joelson Topete
Maycon Nascimento
Mirtthya Guimarães
Musica original
Beto Brito
Direção Musical
Cleiton Teixeira
Preparação para canto
Eleonora Montenegro
Dramaturgia
Bráulio Tavares
Figurino
Adriano Bezerra
Cenografia
Grupo de Teatro Quem Tem Boca é Pra Gritar
Coreografia
Grupo de Teatro Quem Tem Boca é Pra Gritar
Operação de som
Arthur Lopes
Design Gráfico
Arthur Lopes
Fotografia
Humberto Lopes
Produção Executiva
Mirtthya Guimarães
Produção e Realização
Grupo de Teatro Quem Tem Boca é Pra Gritar
Atores
Ademilton Barros
Cleiton Teixeira
João Paulo
Joelson Topete
Maycon Nascimento
Mirtthya Guimarães
Contrarregra
Fafá Dantas

Serviço

Duração
50 minutos
Classificação etária
Livre
Datas
12/09/15 (sáb) | 18h
Ingressos
Gratuitos
Sujeito à lotação do espaço
Local
Conjunto habitacional vila dos pescadores
Praia do Sobral, s/n - Maceió/ AL
(82) 99974-3821